8 de mar de 2009

nazismo agora no país?

que notícia! http://www.publishnews.com.br/ de 20/06/2008

que coisa lamentável a ação policialesca de invasões armadas em singelas oficinas de xerox dentro ou perto das universidades!

senhores professores, não indiquem mais livros ou capítulos de livros. escrevam tudo na lousa, os alunos que copiem.

ou façam vestibulares exigindo declarações de renda acima de 10 salários mínimos por estudante, para terem certeza de que cada um deles vai poder comprar todos os livros, nacionais e importados, indicados (mesmo que seja apenas um capítulo) no curso.

o mês passado foi ação policial brutal em recife, agora em goiânia.

aliás, me pergunto: que editoras são essas que financiam essas ações? por que não usam esse dinheiro com que financiam essas associações quase sanguinárias para fazer algo que preste, tipo um fundo nacional de livros gratuitos ou para financiar a digitalização de obras esgotadas ou de domínio público na internet? por que a opção tão pouco cultural da ameaça dos tiros de metralhadora em cima dos pobres xeroqueiros?

SR. MINISTRO DA CULTURA, CADÊ O SR.? VOLTOU DE SUAS CANTORIAS PELO MUNDO AFORA? ALÔ, ALÔ, NÃO DEIXE OS POLÍCIA MATAR OS XEROQUEIROS!!! MUDE ESSA LEI RIDÍCULA, VEJA MELHOR O ATENTADO À DEMOCRACIA DESSAS ASSOCIAÇÕES PROTONAZISTAS, DEFENDA A EDUCAÇÃO E CULTURA NESTE PAÍS. E SEU COLEGA DA EDUCAÇÃO, DÊ UNS TOQUES NELE, AVISE QUE NÃO É BEM ASSIM QUE SE FOMENTA O ENSINO NESTE POBRE PAÍS.

haja cinismo.
p.s. mensagem absolutamente pessoal, eximindo o assinado-tradutores de qualquer responsabilidade pelo conteúdo acima divulgado.
p.p.s. quem nunca foi estudante e nunca tirou xerox atire a primeira pedra.

Publicado por denise bottmann at 23:14 (UTC-3)

originalmente publicado em 23/06/2008, em "assinado-tradutores"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.