19 de mar de 2009

new age

a editora martin claret, dizem, anda em nova fase. estou curiosíssima para ver o cyrano de bergerac, de edmond rostand, que ela deve estar lançando, se é que ainda não lançou, em tradução de regina célia de oliveira.

é uma proeza e tanto! tomara que a tradutora tenha se saído bem. quem quiser se deliciar com o original e ter uma leve idéia dos tremendos nós para verter a obra para o português, aqui tem o link para o download em francês.

imagem: oaleph2008.files.wordpress.com

8 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. boa noite, joão paulo. suponho que seja uma tradução legítima, mas não sei lhe dizer sobre a qualidade dela. a tradução de frederico ozanam pessoa de barros, que andava esgotada, deve sair em sua terceira edição pela cosac agora em outubro, embora mais cara: ozanam é um tradutor bastante consagrado, mas também não li sua tradução d'os miseráveis.

    ResponderExcluir
  3. Gustavo11.11.12

    Ia fazer a mesma pergunta que o João Paulo Mansur fez. Alguma novidade a respeito dessa tradução, que já tenho? Ou não tem como errar com o Ozanam, cuja edição é caríssima? Como a obra é longa, é melhor escolher bem.

    ResponderExcluir
  4. olá, gustavo. como disse, não li nenhuma dessas traduções, mas acho que a da claret, mesmo numa eventual hipótese de absurda ruindade, pior do que um tanto não há de ser. e a do ozanam é antiguinha; então, por boa que seja, é inevitável que seja datada.

    ResponderExcluir
  5. Gustavo12.11.12

    No site da Cosac Naify consta ser a tradução do Ozanam "inteiramente revista e adequada à leitura contemporânea". Então já não sei. Vou de Claret, que não parece estar ruim. Obrigado, Denise.

    ResponderExcluir
  6. de nada, gustavo. boa leitura!

    ResponderExcluir
  7. Hoje o livro de tradução mais recente de Os miseráveis é do Ed. Martin Claret, contradizendo os comentários anti-éticos lidos, a edição feita pela tradutora juramentada Regina Célia é muito boa.

    Att.

    ResponderExcluir

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.