09/03/2009

contrafação

deu na folha de s.paulo:

"TIJOLADA A editora jurídica Bookseller foi condenada a pagar R$ 600 mil por danos morais à família do ex-ministro do STF Eduardo Espinola, que ficou na corte de 1931 a 1945. A empresa publicou, sem autorização, três obras do jurista e deverá retirar os livros de circulação, sob pena de multa diária de R$ 500. As contas da Bookseller e de seu sócio Juan Carlos Ormachea foram bloqueadas para o pagamento. O empresário não foi localizado para comentar."

ah, se essa moda pega!

imagem: suserania.wordpress.com

Um comentário:

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.