26 de jun de 2009

lacunas, poe XXI


a maior parte desse material sobre edgar allan poe apresenta os resultados de uma breve pesquisa: "o gato preto no brasil", apenas no formato livro. apresenta sua fortuna histórica editorial, mostra suas relações com as histórias extraordinárias e revela o equívoco que circula há mais de trinta anos entre nós: que histórias extraordinárias seriam a tradução do original tales of the grotesque and arabesque - com a consequente e inesperada descoberta de que as tga enquanto tal são inéditas no brasil.

o fecho da pesquisa traz a tradução do curto, mas importante prefácio de poe à sua coletânea de 1840. os posts subsequentes citam curiosidades, informações específicas e variedades em geral.

diversas pessoas têm pedido autorização para utilizar o material: naturalmente está ao dispor de todos os interessados, bastando mencionar a fonte. restaram lacunas que não cheguei a completar, embora não sejam dados de difícil acesso. registro abaixo o que deixei em aberto: peço que levem em conta essas falhas e, se possível, ajudem a corrigi-las.

1. falta verificar o conteúdo e a autoria da tradução de:
- novelas de edgar allan poe, brasil américa, edição maravilhosa n. 27, 1950;
- contos, editora três, 1974.

2. falta apurar a autoria da tradução de:
- o mistério do gato preto, tecnoprint, 1954;
- histórias extraordinárias, otto pierre, 1979.

3. falta saber quem são os "outros" e quais as respectivas traduções em:
- histórias extraordinárias, tradução de "brenno silveira e outros", menção que começa a surgir em 1972 na edibolso, e desde 1974 até 2003 nas edições licenciadas pela civilização brasileira para o círculo do livro, a abril cultural e a nova cultural.

4. falta verificar o conteúdo de:
- contos de horror, tradução de luiza lobo, bruguera, 1970;
- o gato preto e outras histórias, seleção, tradução e adaptação de clarice lispector, ediouro, c. 1975;
- histórias extraordinárias, seleção de carmen vera cirne lima, tradução de oscar mendes e milton amado, globo, 1987.

5. o levantamento das miscelâneas que incluem o gato preto é bastante incompleto. muito provavelmente são em número bem maior do que o apresentado.

em vista do tema restrito, alguns casos curiosos não receberam a atenção que mereceriam. por exemplo:

- histórias extraordinárias com tradução em nome de joão teixeira de paula, na edição da ordibra/inl (1972) sob licença do clube do livro: seria interessante localizar alguma referência sobre essa edição do clube do livro (que não é a de 1945);

- muitíssimo interessante também seria ver melhor o percurso das novelas extraordinárias dos anos 1920 até 1945, nas edições da garnier, o livro de bolso, cruzeiro do sul e clube do livro.
imagem: x, google images

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.