29 de jul de 2010

é disso que estou falando

comentei o caso da editora cedic, de belo horizonte, aqui. hoje a leitora georgia enviou um comentário, que reproduzo aqui, com dor no coração:

Olá, trabalhamos em uma biblioteca e adquirimos a coleção Projeto Ler Literatura Universal. Não temos muito conhecimento sobre as literaturas originais de cada obra, mas com o pouco que temos não é dificil identificar que são plágios e como você mesmo relatou nada consta de lugar onde foi publicado, data, edição, classificação da literatura. Ficamos perplexas com tanto descaso com as pessoas que querem buscar o conhecimento dos grandes escritores.

Deveria ter uma constituição que defendesse os direitos dos consumidores e leitores.

Deixamos aqui nossa indignação.
pois é, georgia. concordo e compartilho a indignação de vocês.
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.