17 de nov de 2009

kafka anônimo-borgiano-torrieriano

.

para finalizar, eu concluiria este tópico sobre kafka afirmando que a metamorfose na tradução de torrieri guimarães foi feita não do francês, conforme alega ele, e sim com toda probabilidade a partir de uma tradução anônima do espanhol, publicada em 1925 na revista de occidente.

quanto à edição utilizada, é mais difícil de determinar. não me parece muito improvável que eli behar, o proprietário da editora livraria exposição do livro que incumbiu torrieri guimarães de verter a obra de Kafka para sua casa editorial, tenha-lhe fornecido a edição portenha em nome de jorge luis borges. tanto mais porque, antes de chegar ao brasil em 1955, consta que behar teria passado algum tempo na argentina, onde a edição da losada já era extremamente difundida naquela época. mas esta é uma simples hipótese.

seja como for, via edição espanhola anônima, via edição castelhana atribuída a borges, creio ser esta a única maneira capaz de explicar a profunda identidade morfológica e estrutural entre o texto da tradução espanhola e o da tradução brasileira.

quero ressaltar que não se trata de plágio, e tampouco estou sugerindo que tradução indireta seja algo ilícito, de maneira alguma. meu único propósito é contribuir para aclarar as incertezas sobre a fonte d'a metamorfose de torrieri guimarães. em se tratando de uma tradução das mais reproduzidas no brasil, desde 1965 até a data de hoje, julgo importante tentar estabelecer com a maior segurança possível dados que fazem parte da história da difusão de kafka no brasil.

seguem abaixo mais alguns trechos comparativos.

Eran las seis y media, y las manecillas seguían avanzando tranquilamente. Es decir, ya era más. Las manecillas estaban casi en menos cuarto. ¿Es que no había sonado el despertador?. Desde la cama podía verse que estaba puesto efectivamente en las cuatro; por lo tanto, tenía que haber sonado. Mas ¿era posible seguir durmiendo impertérrito, a pesar de aquel sonido que conmovía hasta a los mismos muebles?. Su sueño no había sido tranquilo. Pero, por lo mismo, probablemente tanto más profundo. Y ¿qué hacía él ahora?. El tren siguiente salía a las siete; para alcanzarlo era preciso darse una prisa loca. El muestrario no estaba aún empaquetado, y, por ultimo, él mismo no se sentía nada dispuesto. Además, aunque alcanzara el tren, no por ello evitaría la filípica del amo, pues el mozo del almacén, que habría bajado al tren de las cinco, debía de haber dado ya cuenta de su falta. Era el tal mozo una hechura del amo, sin dignidad ni consideración.

Eram seis e meia, e os ponteiros continuavam avançando tranquilamente. Quer dizer, já era mais. Os ponteiros estavam quase em sete menos um quarto. Não teria tocado o despertador? Da cama podia ver que estava realmente posto nas quatro horas; portanto, tinha de tocar. Mas era possível continuar dormindo indiferente, apesar daquele som que fazia vibrar até os móveis? Seu sono não tinha sido tranquilo. Mas, por isso mesmo, provavelmente tanto mais profundo. E que faria agora? O trem seguinte saía às sete; para tomá-lo, era preciso dar-se uma pressa louca. O mostruário ainda não estava empacotado, e, por último, ele mesmo não se sentia nada disposto. Além disso, ainda que alcançasse o trem, nem por isso evitaria a cólera do patrão, pois o empregado do armazém, que teria descido do trem das cinco, devia já ter dado pela sua falta. Era o tal moço uma cópia do patrão, sem dignidade nem consideração.

Mas cuando, después de realizar a la inversa los mismos esfuerzos, subrayándolos con hondísimos suspiros, hallóse de nuevo en la misma posición y tornó a ver sus patas presas de una excitación mayor que antes, si era posible, comprendió que no disponía de medio alguno para remediar tamaño absurdo, y volvió a pensar que no debía seguir en la cama y qye lo más cuerdo era arriesgarlo todo, aunque sólo le quedase una ínfima esperanza.

Mas quando, depois de realizar de modo inverso os mesmos esforços, sublinhando-os de profundíssimos suspiros, encontrou-se de novo na mesma posição e tornou a ver suas patas tomadas de uma excitação maior do que antes, se era possível, compreendeu que não dispunha de meio algum para remediar tamanho absurdo, e tornou a pensar que não devia continuar na cama e que o mais sensato era arriscar tudo, embora apenas lhe restasse uma ínfima esperança.

Y en tal estado de apacible meditación e insensibilidad, permaneció hasta que el reloj de la iglesia dio las tres de la madrugada. Todavía pudo vivir aquel cominezo del alba que despuntaba destrás de los cristales. Luego, a pesar suyo, su cabeza hundióse por completo, y su hocico despidió débilmente su postrer aliento.
A la manãna siguiente, cuando entró la asistenta - daba tales portazos que, en cuanto llegaba, ya era imposible descansar en la cama, a pesar de las infinitas veces que se le habían rogado otras maneras - para hacer a Gregorio la breve visita de costumbre, no hallé en él, al principio, nada de particular. Supuso que permanecía así inmóvil con toda intención, para hacerse el enfadado, pues le consideraba capaz del más completo discernimiento.

E em tal estado de aprazível meditação e insensibilidade, permaneceu até que o relógio da igreja deu as três horas da madrugada. Ainda pôde viver aquele começo de madrugada que despontava por trás das vidraças. Depois, contra sua vontade, sua cabeça tombou por completo, e seu focinho despediu debilmente seu último alento.
Na manhã seguinte, quando a criada entrou - batia tanto as portas que, quando chegava, era já impossível ficar na cama, apesar das infinitas vezes que lhe tinham pedido que adotasse outras maneiras - para fazer a Gregório a breve visita do costume, não encontrou nele, a princípio, nada de particular. Supôs que permanecia assim imóvel com toda intenção, para fazer-se de aborrecido, pois considerava-o capaz do mais completo discernimento.

edições: editorial losada, [1938] 2001, em tradução atribuída a jorge luís borges;* livraria exposição do livro, 1965, tradução de torrieri guimarães.

* ainda sobre a relutância da losada em aceitar o desmentido do próprio borges, em 1970, sobre a autoria dessa tradução: a edição consultada (2001), que traz apenas a novela la metamorfosis, na coleção "biblioteca clásica y contemporánea", destaca na capa: "Traducción y prólogo de Jorge Luis Borges", e na contracapa: "Jorge Luis Borges lo dio a conocer en nuestra lengua, con esta magnífica e insuperable traducción de 'La metamorfosis' que muestra plenamente las características tan poderosas, tan singulares y turbadoras que posee la escritura de Kafka".

.

Um comentário:

  1. O pensamento de Kafka seria parecido com sua escrita?

    ResponderExcluir

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.