29 de jun de 2010

caldeirada na abl

Surgis ..., ô Mienne, et pavoise ta fenêtre avec les lis, la pêche et les framboises de ton être.



Surgido ..., ó Minha (Nossa Senhora?), e tapeça tua janela com os lírios, a pesca e as framboesas do teu ser.

Saint-Pol Roux, Alouettes ("Canto de cotovias"), in Milton Lins (org. e trad.) Pequenas traduções de grandes poetas IV, Recife, Bagaço, 2009, p. 340. [Ergue-te..., ó Amada, e enfeita tua janela com os lírios, o pêssego e as framboesas de teu ser]

5 comentários:

  1. Anônimo29.6.10

    O pêssego serviu de isca para pegar o pescado. Que pecado!

    ResponderExcluir
  2. Pelos exemplos que você vem destacando aqui, acho que o premiado da ABL devia mesmo é ter sido indicado para o prêmio Juó Bananere de tradução poética (sem nenhuma intenção de ofender o Juó, claro).

    ResponderExcluir
  3. grande lembrança, carlos alberto, mas fico com dó do bananere, que é ótimo! por outro lado, pensei em criar o "prêmio fiofó", cujo patrono seria o referido premiado da abl, em reconhecimento à sua vênus anadiomene...

    ResponderExcluir
  4. Julio Jeha13.7.10

    A sua campanha ainda vai ajudar o Lins: estou pensando seriamente em comprar o livro, pois tenho me divertido muito com os trechos pinçados por você. O trabalho dele me lembra o início da TV a cabo no Brasil, quando as séries eram traduzidas de maneira semelhante. Rebecca, no filme de mesmo nome, quebrava o cupido da China (the china cupid); Morticia Adams comentava para o tio Fester: "a cabeça de vocês é de cera" (you had your head waxed, você encerou a sua calva). Não que essas preciosidades tenham acabado, claro.

    ResponderExcluir

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.