11 de fev de 2013

dlit, contribuições VI





para papini, há "o prisioneiro de si mesmo", que saiu na revista literária a novela, n. 7, em abril de 1937, pela livraria do globo. não traz o nome do tradutor.








quanto a um homem acabado, que consta no levantamento do dlit apenas na edição do clube do livro em 1945, encontramos no site a observação: "Há uma edição de 1923 no Museu Paulista, da mesma editora, com 286 páginas", aqui.

creio que não procede. o clube do livro foi criado por mário graciotti em 1942-43. em verdade, a edição de um homem acabado que saiu em 1923 foi publicada pela livraria a. tisi.

a a. tisi se alinhava pelos gostos mais avançados da época, sendo um ponto de encontro da intelectualidade modernista de são paulo - a bela capa de sua edição, ao lado, parece ilustrar bem essa sua tendência.




outra contribuição visual: a capinha de testemunhas da paixão, de 1950, pela saraiva, para complementar a página dessa edição no site do dlit, aqui.










Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.