5 de ago de 2015

comemorando o duomilésimo post

hoje o não gosto de plágio chega a seu duomilésimo post, com 910 mil visualizações em seus sete anos de existência.

fico feliz que, nos últimos anos, o blogue venha se concentrando em levantamentos bibliográficos, curiosidades tradutórias, perfis de tradutores etc., e não mais em denúncias de plágios de tradução e fraudes editoriais. isso porque aquela sangria desatada de roubos de tradução parece ter se estancado nos últimos tempos.

se nosso trabalho aqui no não gosto de plágio tiver contribuído o mínimo que seja para esse resultado, nosso esforço estará mais do que recompensado. e viva, que tradução é tudo de bom! 


imagem: aqui

ficam meus sinceros agradecimentos a tanta gente que nos tem acompanhado, contribuído, apoiado, defendido durante esse tempo todo (que, entre intimidações, perseguições e ações judiciais, nem sempre foi muito fácil).


2 comentários:

  1. Parabéns, Denise, pelo blog e sua longa vida!
    Assim, tive o desprazer de comprar a "Noite do Oráculo", do Paul Auster, Cia. das Letras, 2a. reimpressão, 2004, tradução de José Rubens Siqueira: pois bem, foi-me impossível passar da primeira página visto os tantos e tantos e tantos erros. O problema, no caso, nem é o desconhecimento da língua original, mas, a total ignorância em relação aos aspectos literários. Se você se arriscar, verá. Infelizmente. Abraços. Pedro.

    ResponderExcluir
  2. Carmelo Ribeiro6.8.15

    Parabéns pela coragem e pelo blog.

    ResponderExcluir

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.