1 de out de 2016

álvaro vieira pinto



por meio de ana cláudia romano ribeiro, vim a saber que álvaro vieira pinto traduziu bastante, e obras importantes, sob pseudônimo.

vieira pinto, o principal propositor do projeto nacional-desenvolvimentista à frente do iseb, esteve entre os primeiros alvos de perseguição após o golpe de 1964. já em junho tem seus direitos políticos cassados e em outubro sofre demissão de sua cátedra na usp. parte para o exílio. primeiro foi para a iugoslávia, onde ficou um ano, e depois, por sugestão de paulo freire, foi para o chile. 

resolve voltar ao brasil em 1968, imaginem só. foi uma dificuldade tremenda.

vieira pinto era poliglota: dominava o latim, o grego, o inglês, o francês, o russo, o italiano, o espanhol e o alemão. em seu precoce retorno do exílio passou a se dedicar à tradução, basicamente para a editora vozes. 

então vivendo uma vida muito reclusa, quase que na clandestinidade, suas traduções logo passaram a sair com pseudônimo: francisco m. guimarães, de 1970 a 1973; floriano de souza fernandes, de 1973 a 1975; mariano ferreira, de 1975 a 1978.  

  1. O Poema de Parmênides: Tradução literal sobre o texto grego, segundo Mullach. In: Diretório Acadêmico da Faculdade Nacional de Filosofia da Universidade do Brasil, Rio de Janeiro, mar. 1951. p.11–15.
  2. JASPERS, Karl. Razão e anti-razão em nosso tempo. Tradução por Álvaro Vieira Pinto. Rio de Janeiro: Instituto Superior de Estudos Brasileiros (ISEB), 1958. (Coleção Textos de Filosofia Contemporânea, 1)
  3. LENIN, Vladimir Ilitch. Obras Escolhidas de Lenin. Tradução por Álvaro Vieira Pinto. 3 vol. Rio de Janeiro: Editora Civilização Brasileira, 1970.
  4. CLARKE, Arthur C. Perfil do Futuro. Tradução por Álvaro Borges Vieira Pinto. Petrópolis, RJ: Vozes, 1970. (Coleção Presença do Futuro, 4)
  5. RAPP, Hans Reinhard. Cibernética e Teologia: O Homem, Deus e o Número. Tradução por Francisco M. Guimarães (pseudônimo). Petrópolis, RJ: Vozes, 1970.
  6. TOYNBEE, Arnold Joseph. Experiências: ensaio autobiográfico de um dos maiores historiadores do século XX. Tradução por Francisco M. Guimarães (pseudônimo). Petrópolis, RJ: Vozes, 1970. 
  7. SMULEVICH, Boleslav IAkovlevich. Críticas de las teorías y la política burguesas de la población. Tradução por Álvaro Vieira Pinto, 1971. (Série E, 7)
  8. CHURCHMAN, C. West. Introdução à Teoria Dos Sistemas. Tradução por Francisco M. Guimarães (pseudônimo). Petrópolis, RJ: Vozes, 1971. (Coleção Teoria Dos Sistemas, 1)
  9. CHOMSKY, Noam. Linguagem e Pensamento. Tradução por Francisco M. Guimarães (pseudônimo). 2ª ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 1971. (Coleção Perspectivas Linguísticas, 3)
  10. CHOMSKY, Noam. Lingüística Cartesiana: um Capítulo da História do Pensamento Racionalista. Tradução por Francisco M. Guimarães (pseudônimo). Petrópolis, RJ: Vozes, 1972. (Coleção Perspectivas Linguísticas, 4)
  11. POSTGATE, John Raymond. Os Micróbios e o Homem. Tradução por Francisco M. Guimarães (pseudônimo). Petrópolis, RJ: Vozes, 1971. (Coleção Ciência Atual, 1)
  12. DAJOZ, Roger. Ecologia Geral. Tradução por Francisco M. Guimarães (pseudônimo). Petrópolis, RJ: Vozes, 1972.
  13. BERTALANFFY, Ludwig Von. Teoria Geral Dos Sistemas. Tradução por Francisco M. Guimarães (pseudônimo). Petrópolis, RJ: Vozes, 1972. (Coleção Teoria Dos Sistemas, 2)
  14. GÉRARD, Pierre. Introdução Ao Marketing. Tradução por Francisco M. Guimarães (pseudônimo). Petrópolis, RJ: Vozes, 1973. (Coleção Administração de Empresas)
  15. APTER, M. J. Cibernética e Psicologia. Tradução de Francisco M. Guimarães (pseudônimo). Petrópolis, RJ: Vozes, 1973.
  16. MALINOWSKI, Bronislaw. Sexo e Repressão na Sociedade Selvagem. Tradução por Francisco M. Guimarães (pseudônimo). Petrópolis, RJ: Vozes, 1973. (Coleção Antropologia, 4)
  17. LAWRENCE, Paul R.; LORSCH, Jay William. As Empresas e o Ambiente: diferenciação e integração administrativas. Tradução por Francisco M. Guimarães (pseudônimo). Petrópolis, RJ: Vozes, 1973. (Coleção Administração de Empresas, 9)
  18. PIAGET, Jean. Biologia e Conhecimento: ensaio sobre as relações entre as regulações orgânicas e os processos cognoscitivos. Tradução por Francisco M. Guimarães (pseudônimo). Petrópolis, RJ: Vozes, 1973. (Coleção Psicologia da Inteligência, 1)
  19. BERGER, Peter L.; LUCKMANN, Thomas. A Construção Social da Realidade: Tratado de Sociologia Do Conhecimento. Tradução por Floriano de Souza Fernandes (pseudônimo). Petrópolis, RJ: Vozes, 1973. (Coleção Antropologia, 5)
  20. KANT, Immanuel. Textos seletos. Tradução de Floriano de Sousa Fernandes (pseudônimo) e Raimundo Vier. Petrópolis: Vozes, 1974.
  21. ROGIER, L. J.; BERTIER DE SAUVIGNY, L. B. F. de. Nova História da Igreja. Volume 5: A igreja na sociedade liberal e no mundo moderno. Tradução de Almir Ribeiro Guimarães; Floriano de Souza Fernandes (pseudônimo). Petrópolis, RJ: Vozes, 1975.
  22. LOURAU, René. A Análise Institucional. Petrópolis, RJ: Vozes. Tradução por Mariano Ferreira (pseudônimo), 1975. (Coleção Psicanálise, 12).
  23. LÉVI-STRAUSS, Claude. As Estruturas Elementares do Parentesco. Roberto Augusto da Matta (Editor). Tradução por Mariano Ferreira (pseudônimo). Petrópolis, RJ: Vozes, 1976. (Coleção Antropologia, 9).
  24. VAN GENNEP, Artur. Os Ritos de Passagem. Tradução por Mariano Ferreira (pseudônimo). Petrópolis, RJ: Vozes, 1978. (Coleção Antropologia, 11).
listagem extraída do centro de estudos sobre álvaro vieira pinto, aqui.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.