25 de jul de 2016

garin, garshin e gladkov no brasil, 1900-1950


Garin, Nicolai (Nicolas)


“A primavera da vida”. In: Três novelas russas. Tradução de Lúcio Cardoso. 
Rio de Janeiro: A Noite, 1947.



“U’a mulher esquisita”. In: Os mais belos contos russos dos mais famosos autores
Tradução de Marina Salles Goulart de Andrade. Rio de Janeiro: Vecchi, 1944.



Garshin, Vsevolod M. (Garchin):


“De propósito não foi”. In: Os mais belos contos russos dos mais famosos autores. 2ª. série. 
Tradução de Alfredo Ferreira. Rio de Janeiro: Vecchi, 1945.



“O sinal”. In: Os russos: antigos e modernos. Tradução de Lourival Gomes Machado. 
Coleção Contos do Mundo. Rio de Janeiro: Leitura, 1944.



Gladkov, Fédor (Fiodor, Gladkof)



Cimento. Tradução anônima. Coleção Aurora. São Paulo: Unitas, 1933.



“O polvo”. In: Contos soviéticos. Os novos da Rússia. Tradução de Gabriel Marques. 
Collecção Literatura Moderna. São Paulo: Cultura Brasileira, c.1934. 
Reed. in: Contos soviéticos. Rio de Janeiro: O Cruzeiro, 1944.


Ver Bibliografia russa traduzida no Brasil (1900-1950), aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.