29 de mar de 2013

benjamin costallat editor

uma monografia muito interessante de patrícia de souza frança, "livro para leitores": a atuação literária e editorial de benjamin costallat no rio de janeiro dos anos 1920, disponível aqui.

o mais interessante, do ponto de vista de uma história da tradução no brasil, é a chamada "collecção benjamin costallat", uma linha de títulos variados que foi publicada por várias editoras entre 1932 e 1934; entre elas a guanabara, a flores & mano, a minha livraria e a civilização brasileira, introduzindo vários autores e títulos inéditos no brasil.

alguma hora me deterei sobre ela. por ora, duas capinhas:

tradução de elias davidovitch

idem

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.