21 de set de 2011

o secular darwin plagiado sai da ediouro

A origem das espécies, de Darwin, grassou entre nós a partir dos anos 70, por obra e graça da editora Hemus - até onde sei -, numa pavorosa cópia de uma pavorosa tradução portuguesa feita a partir do francês no começo do século 20. Essa coisa horrorosa foi parar na Ediouro em 1987, que desde então saiu publicando essa pretensa tradução. É uma longa história, amplamente documentada aqui no blog, que não vou repetir. Os posts correspondentes, em todo caso, estão arquivados em "Darwin", aqui, e aqui uma súmula.

Ontem recebi correspondência do Ministério Público do Rio Janeiro, aparentemente com o problema sanado. Apresento aqui a documentação (clique nas imagens para ampliar):







.

2 comentários:

  1. Ótimo!
    Quem sabe as editoras começam a agir corretamente?

    ResponderExcluir
  2. é, se bem que tem umas mais renitentes que, deus do céu!

    ResponderExcluir

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.