12 de set de 2009

the book is on the table

alguém me explica?

Agência FAPESP – Dois protótipos de ferramentas computacionais foram criados pela equipe do projeto PorSimples. O primeiro, chamado Facilita, visa a simplificar a linguagem de textos em português disponíveis na internet e, com isso, facilitar a compreensão das informações para crianças e adultos em processo de alfabetização ou pessoas com algum tipo de deficiência de leitura.
O segundo, o editor Simplifica, é destinado a produtores de conteúdo (escritores, professores, webmasters, jornalistas, por exemplo) que desejam criar textos simplificados adequados ao mesmo público. [...]
O objetivo da simplificação linguística é melhorar a capacidade de um texto ser lido para poder ser compreendido. [...] sentenças longas, com vários níveis de subordinação, cláusulas embutidas (relativas), sentenças na voz passiva, uso da ordem não canônica para os componentes de uma sentença, além do uso de palavras de baixa frequência, aumentam a complexidade de um texto.

aliás, a frase "melhorar a capacidade de um texto ser lido para poder ser compreendido" é de doer... é essa a ideia?

notícia via contraditorium, flanela paulistana e jane austen em português

imagem: lasarina

Um comentário:

  1. Pois se nem o povo que entende análise sintática marromenos não concatena conceitos básicos, imagina ter de inventar a roda?

    Passo e entrego pra Deus.

    ResponderExcluir

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.