2 de mai de 2008

digressões voláteis sobre a volatilidade

Em 2004, em matéria citando a então diretora editorial da ed. Nova Cultural, sra. Janice Florido, o jornal O Guaruçá nos informava que, "Concebida com a colaboração de grandes nomes, como José Arthur Giannotti, Antônio Cândido, Gérard Lebrun e Carlos Estevão Martins, entre outros, a coleção [Os Pensadores] tem sido indicada como referência de leitura pelas mais renomadas instituições de ensino do país".

E noticiava: "A cada semana vai ser lançado um livro. O primeiro é Sócrates, em seguida será a vez de Platão, em edição que trará como brinde A República".

Essa República de Platão, com tradução em nome de Enrico Corvisieri, vinha sendo editada pela Nova Cultural desde 1997 (isbn 8535110046), tendo em 1999 o isbn 8535118713.

Não entro aqui no mérito da tradução em si. O que entendo é que a Nova Cultural começou a editá-la como parte de seus pensadores em 1997, e em 2004 resolveu dar de brinde (segundo a matéria do jornal O Guaruçá) como segundo volume da coleção destinada à venda em bancas de jornal.

Nesse meio-tempo A República de Platão, na tradução de Enrico Corvisieri, estava sendo editada também pela ed. BestSeller, desde 2002 (até onde sei, isbn 8571237875). E, logo após ser brindada aos compradores da coleção Nova Cultural/Suzano, passou a ser publicada por uma obscura editora chamada Sapienza, de efêmera existência.

A partir de 2005, A República de Platão, no catálogo da Sapienza Editora, começa a ser chamada de A República de Platão, ora de autoria atribuída ao próprio Platão e com tradução de Enrico Corvisieri, ora de autoria atribuída a alguém chamado Cláudio Varela, conforme consta em seu registro na Fundação Biblioteca Nacional ((isbn 8598126101).

A Ed. Nova Cultural anuncia até hoje em seu site que são "traduções feitas por renomados estudiosos e com acabamento primoroso, [e] esta coleção foi feita para durar".

Posso tributar à minha ignorância o fato de nunca ter ouvido falar de Enrico Corvisieri como renomado estudioso do pensamento grego clássico. Mas, de qualquer modo, a mim o que causa um certo turbilhão mental é ver A República de Platão numa sarabanda envolvendo tantos selos editoriais e tantos diferentes números de ISBN em tão poucos anos.

BUSCA NO CATÁLOGO DO ISBN
ISBN 8535110046
TÍTULO: A REPUBLICA (PENSADORES 21 - BRINDE)
AUTOR: PLATAO
ANO DE EDIÇÃO:1997
EDITORA: ROMANCES NOVA CULTURAL

BUSCA NO CATÁLOGO DO ISBN
ISBN 8535118713
TÍTULO: OS PENSANDORES [sic]
AUTOR: AMARAL, ANNA LIA
AUTOR: VARIOS AUTORES
AUTOR: SILVA, CARLOS DO NASCIMENTO
EDITORA: ROMANCES NOVA CULTURAL
* a título de esclarecimento: vários pensadores desta época foram registrados com o mesmo isbn

BUSCA NO CATÁLOGO DO ISBN
ISBN 8571237875
TÍTULO: REPUBLICA DE PRATAS [sic]
AUTOR: PLATAO
TRADUTOR: CORNSTER, ENRICO [sic]
EDITORA: BEST SELLER

BUSCA NO CATÁLOGO DO ISBN
ISBN 8598126101
TÍTULO: A REPUBLICA DE PLATÃO
AUTOR: CLAUDIO VARELA
ANO DE EDIÇÃO: 2005
EDITORA: SAPIENZA EDITORA

obs.: quanto aos problemas de digitação nos catálogos da fundação biblioteca nacional, constituem um caso à parte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.