23 de abr de 2008

palimpsesto XI

abe devia partir da gare saint-lazare às onze horas. estava só, sob a suja cúpula de vidro, relíquia da era do palácio de cristal; suas mãos, que tinham a vaga cor acinzentada que só aparece após vinte e quatro horas de vigília, estavam nos bolsos, para esconder a tremedeira.

scott fitzgerald, suave é a noite, tradução de lígia junqueira
(atribuída pela ed. nova cultural a enrico corvisieri)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.